Centro de Parto Normal inaugurado em Mogi das Cruzes


escrito por: Tricia em terça-feira, março 20, 2007 às 9:11 AM.


Mary in Labor
Originally uploaded by triciacavalcante2.
Para secretário de Estado, Pró-Parto, inaugurado por Junji, é exemplo para todo o Estado

O secretário de Estado da Saúde, Luiz Roberto Barradas Barata, se mostrou impressionado com a estrutura montada pela Prefeitura de Mogi das Cruzes no Pró-Parto, seu centro de parto natural. Durante a solenidade de inauguração,promovida na manhã de sábado (17/), ele garantiu que pretende utilizar a unidade mogiana como modelo a ser implantado em todo o Estado.

Fora isso, Barradas pretende convidar o governado José Serra, que é ex-ministro da Saúde, a fazer uma visita oficial para conhecer o sistema de atendimento mogiano, que inclui as duas unidades do Pró-Mulher, o Promeg, o Cartão Saúde, o Ligue Médico, o Centro de Zoonoses e diversos programas diferenciados.

"Mogi dá um exemplo às prefeituras de todo o Estado, de que é possível atender com muito carinho e qualidade as gestantes e toda a população. Eu espero que o governador José Serra venha visitar e conhecer o modelo de atendimento que a Secretaria pretende estar divulgando e difundindo em todo o interior paulista", destacou Barradas.

Segundo ele, nenhuma cidade do interior do Estado possui um projeto semelhante ao Pró-Parto e a experiência de Mogi deverá ser revertida para muitos outros municípios.

"Já avisei ao prefeito Junji e ao secretário Cláudio Miyake que eles vão começar a receber muitas visitas de secretários e prefeitos de outras cidades, pois vou fazer propaganda do Pró-Parto em todo o Estado. É importante que todos conheçam esta solução que eu considero muito importante, um grande avanço".

O secretário contou que há oito anos o Governo do Estado mantém um centro de parto natural no bairro de Sapobemba, com média de 30 nascimentos mensais.Em Mogi, porém, a capacidade é três vezes maior e deve ser ampliada futuramente: "Estamos voltando a ter o parto como condição natural da mulher, que pode contar com o apoio da família, da mãe, de quem confia. OPró-Parto permite que ela se sinta acolhida e segura em um ambiente que une a tranqüilidade e o carinho ao atendimento técnico de qualidade. Parto não é doença, mas um ato natural da mulher. Nesse sentido, Mogi dá um importante passo para o futuro".

Outro destaque apontado pelo secretário foi a parceria desenvolvida pela Prefeitura com a iniciativa provada, que permitiu a construção em tempo ágil e sem onerar os cofres municipais.

"Impressiona saber que o Junji construiu esta beleza, que custou R$ 800 mil, sem gastar um tostão da Prefeitura. Esta mágica está na capacidade de fazer parcerias pelo bem da população. Este também é um modelo que outras prefeituras podem implantar. O Pró Parto é um marco da saúde de Mogi e um marco na saúde do Estado de São Paulo".


População de Mogi das Cruzes e diversas autoridades elogiam Pró-Parto

Pró-Mulher, Centro de Controle de Zoonoses, Ligue Médico, Promeg, Cartão Saúde. Essa é a evolução da Saúde de Mogi das Cruzes nos últimos seis anos, transformando a cidade em modelo para todo o País. Agora, a população comemora mais um instrumento de qualidade e de comprovação de que a Prefeitura investe no setor: o Pró-Parto. "Nunca vi nada igual. O prefeito Junji mostra que tem sensibilidade e se preocupa com o nosso bem estar", destacou a cabeleireira Selma Dias que, juntamente com outras 1,5 mil pessoas participaram neste sábado (17) da inauguração da unidade que visa à humanização do parto.

"É latente a diferença da saúde de 2001 para cá. Foram muitos investimentos, principalmente de atenção à mulher. Não por proteção, mas por que é o alicerce da família. Junji acertou em cheio, com o Pró-Mulher e agora com o Pró-Parto", disse o presidente da Câmara de Mogi, Antônio Cuco Pereira.

Para o vereador Antônio Lino da Silva, todo o esforço na melhoria da saúde deve ser aplaudido, mas o Pró-Parto deve ser enaltecido ainda mais. "Aqui é um lugar que trará vidas, por isso é especial. As ações no município vêm crescendo no setor e hoje podemos dizer que Mogi está transformada e é referência para o País."

A complementação do atendimento à mulher é o grande diferencial do Pró-Parto na visão do vereador Rubens Benedito Fernandes, o Bibo. "Fecha-se o ciclo iniciado com o Pró-Mulher. Mogi das Cruzes está de parabéns. Quem ganha é a população."

O vereador Pedro Komura ressaltou o avanço na cidade. "Mogi caminha a passos largos e o excelente atendimento já é exemplo para outras cidades. Um exemplo disso é o CCZ, que recebe visitas diárias de profissionais de fora para conhecer a estrutura implantada no município."

A abertura do Pró-Parto também vai refletir diretamente na Santa Casa de Misericórdia da cidade. "Será uma extensão do atendimento às gestantes. Somos parceiros e a unidade irá desafogar a maternidade da Santa Casa. Com isso, poderemos realizar um trabalho mais tranqüilo. Além do mais, é um estímulo ao parto natural, já que hoje a maioria prefere a cesárea", ressaltou o provedor João Anatalino.

O diretor do DRS-1 - Departamento Regional de Saúde, Edson Nakasone, destacou que o principal reflexo será na melhoria de vida da população. "É uma unidade que atenderá as mulheres carentes, com acompanhamento rigoroso do pré-natal e isso é um grande avanço." Além de autoridades de diversas áreas, também participaram da inauguração,os vereadores Jolindo Rennó e Nabil Safiti.


Gratidão

Já acostumada ao bom atendimento recebido no Pró-Mulher, a vendedora Juliete Cristina de Andrade está ansiosa para fazer as últimas consultas no Pró-Parto. "Quero vir o quanto antes. É meu primeiro filho e, como sou nova, acho importante que seja parto normal, como na época das nossas avós", disse a moradora do Conjunto Santo Ângelo.

O local aconchegante e harmonioso foi o que chamou a atenção da dona de casa Laurinda de Souza Ramos. "Pena que já passei da idade de ter filhos, do contrário não pensaria duas vezes para dar à luz aqui. Mas, quando meus netos forem nascer já sei para onde vou mandar minhas filhas, um lugar bonito e onde os companheiros podem permanecer."

Essa novidade também foi comentada pelo pedreiro Jurandir Alves. Morador do Jardim Camila, ele pretende ter seu terceiro filho ainda este ano. "Aqui a gente pode até ver o parto e isso é muito bom. Nunca tive essa oportunidade e me senti muito incapaz. Agora, vai ser diferente e eu vou poder participar mais."

O Pró-Parto inicia o atendimento na segunda-feira (19). A previsão é que os partos comecem a ser realizados no final de abril.


Pró-Parto é entregue à população com grande festa

Mais de 1,5 mil pessoas compareceram na manhã deste sábado (17) à festa de inauguração do Pró-Parto. Associações de moradores, líderes de bairro, representantes de diversas entidades sociais, vereadores, secretários municipais e funcionários se uniram ao prefeito Junji Abe e ao secretário Luiz Roberto Barradas Barata para inaugurar o centro de parto natural, que representa uma proposta inédita no interior do Estado. Por mês, o centro realizará até cem nascimentos humanizados – de forma natural, sem cirurgias e com o acompanhamento da família da gestante. Para isso, a Prefeitura montou uma estrutura diferenciada, que inclui salas especiais em um ambiente tranqüilo e acolhedor.

"Tudo no Pró-Parto foi feito com muito carinho, tanto pela equipe da Secretaria Municipal da Saúde, quanto pelas demais pastas. Aqui, a gestante mogiana encontrará toda a segurança e conforto para dar á luz o seu filho", definiu o prefeito.

Junji destacou ainda a parceria com a iniciativa privada, que permitiu a inauguração em tempo ágil e sem nenhum custo de construção para a Prefeitura: "Para fazermos um prédio próprio, precisaríamos de R$ 800 mil e a espera seria bem maior. Por meio da parceria que fizemos com o proprietário, a Prefeitura pagará um aluguel de R$ 6,2 mil mensais. Podemos usar o prédio por 11 anos pelo valor que gastaríamos na construção".

O secretário Barradas não escondeu que ficou impressionado com a estrutura do Pró-Parto. Segundo ele, o exemplo de Mogi das Cruzes será divulgado em todas as cidades pelo Governo do Estado, como modelo a ser seguido: "Vou convidar o governador José Serra para que conheça esta estrutura, que deve ser repetida em todas as cidades. Mogi prova que é possível, com seriedade e trabalho, dar um atendimento com qualidade e carinho às gestantes", observou.

Também o vice-prefeito Marco Bertaiolli acredita que o modelo de gestão mogiano poderá inspirar outras administrações municipais: "Mogi tem servido de exemplo para muitas cidades. Aqui, a saúde é tratada com seriedade e respeito à população. O Pró-Parto é um exemplo claro".


Evolução

O vereador José Antonio Cuco Pereira, presidente da Câmara Municipal, não escondeu a alegria em participar da inauguração: "O prefeito Junji tem extrapolado em todas as melhorias promovidas na cidade, com sensibilidade, competência administrativa e perseverança. No início de sua gestão, ele pegou a saúde sem estrutura e reorganizou o setor, revolucionando o atendimento à mulher, investindo em saúde coletiva e na contratação de profissionais".

A evolução foi destacada pelo próprio prefeito: "No início do meu mandato, eu nem podia visitar os postos de saúde da cidade que era severamente criticado pela população. E ela tinha razão em reclamar. Não havia nenhuma estrutura, faltavam médicos e profissionais, era preciso fazer filas imensas de madrugada para conseguir uma consulta. Uma calamidade".

Com planejamento e investimento, a Saúde foi integralmente remodelada e hoje serve como exemplo inclusive para outras cidades: "Os tempos de espera por uma consulta no Ligue-Médico já são menores do que os de planos de saúde privados. Fora isso, em todas as novas unidades, temos a marca da qualidade excepcional. Basta ver o pró-Parto, onde, além de equipamentos médicos avançados, há até uma banheira de hidromassagem para atender às gestantes, porque o banho de imersão, como lembrou o secretário Barradas, ajuda a tranqüilizar as futuras mamães".

Fonte: A Semana

3 Respostas a “Centro de Parto Normal inaugurado em Mogi das Cruzes”

  1. # Blogger Luiz

    Belo exemplo que Mogi está dando para o Brasil. Outras cidades deveriam seguir o exemplo.  

  2. # Blogger Alzira

    É sinal que as mulheres estão retomando o seu direito, que lhes foi tirado de parir naturalmente.

    Sou academica de enfermagem do 7 periodo, ja trabalho na saude publica a 17 anos, e o meu objetivo é ser enfermeira obstétra e o melhor trabalhar em um Centro de Parto Normal.

    Gostaria de muito de conhecer esse Centro, seria possivel? tem agendamento de visita?
    muito obrigado

    Alzira Assunção
    Fátima do Sul-MS  

  3. # Blogger MABL

    bELISSIMA INICIATIVA DE MOGI, SOMOS ENFERMEIRAS OBSTETRAS ATUANDO EM MODELO PARECIDO, NA CIDADE DE SÃO PAULO, QUEREMOS CONHECER O CPN.
    MARCILHA E ANA
    SÃO PAULO - SP  

Postar um comentário

Links para este post

Criar um link

---------------------------------



QUEM  SOMOS
 



Tricia Cavalcante: Doula na Tradição, formada pela ONG Cais do Parto, mãe de três, e doula pós-parto.Moro em Fortaleza-CE.


.


Assine o Parir é Nascer! (RSS)

Para receber as atualizações do Parir é Nascer, inscreva seu email abaixo:

Delivered by FeedBurner

---------------------------------



O  QUE  VOCÊ  PROCURA?
 















---------------------------------



INDICAÇÃO  DE  LEITURA
 
















---------------------------------



INTERESSANTES
 

---------------------------------



ONDE  NOS  ENCONTRAR
 

















Powered by Blogger




eXTReMe Tracker